terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

INCLUSÃO: Carteira escolar Inclusiva

Carteira Escolar Inclusiva


O Estúdio Índio da Costa Design e a ONG Noisinho da Silva, que luta pela inclusão das crianças deficientes físicas através do design universal, desenvolveram uma carteira escolar inclusiva, para estudantes, portadores ou não de necessidades especiais. O conjunto de mesa e cadeira garante bom posicionamento, estabilidade e segurança para o estudante na realização de suas tarefas escolares.




O Estudio Indio da Costa considerou todos os aspectos importantes, seguindo as normas da ABNT e do Inmetro para mobiliário escolar, com o objetivo de suprir as necessidades de uma carteira escolar completa e diversificada. Ela possui diferentes regulagens, que se moldam aos diferentes tamanhos de crianças.


As inovações do projeto já podem ser visualizadas no assento em baixo relevo próximo ao encosto, que busca uma melhor postura do quadril e da coluna do estudante. As laterais possuem elevações que servem de barreira para auxiliar crianças com dificuldades de locomoção, de sentar e de levantar. O assento conta com um cinto de segurança que impede as crianças com necessidades especiais escorregarem da cadeira.

A largura pode ser regulada de acordo com o necessário, assim como o tampo da mesa levanta de acordo com a vontade da criança. Ao lado da mesa, existe um local apropriado para colocar livros e cadernos, além de um aparador que fica em cima do tampo para prender o material utilizado.


A carteira - de plástico injetável; material barato, resistente e reciclável em estrutura metálica interna - tem o objetivo de atender ao maior número de usuários, considerando particularidade como altura, peso, e as demais dimensões do corpo da criança deficiente ou não. "No assento é encontrado um baixo relevo no encosto para estabilizar o quadril. As laterais são um pouco mais altas servindo de barreira garantindo firmeza e controle dos movimentos. O cinto e a "sela" evitam que as crianças deficientes físicas escorreguem do assento", explica.

Além disso, o encosto tem como principal função o suporte da região lombar, as sapatilhas auxiliam no posicionamento dos pés e o cinto retrátil pode ser usado quando a criança necessitar de maior apoio. "Todos esses acessórios garantem seu correto posicionamento na cadeira, a criança é obrigada a sentar-se corretamente".

No caso de crianças que usam cadeira de rodas, a mesa é estendida, o que possibilita que a cadeira de rodas entre por debaixo da mesa. Apesar de ter um custo de 30 a 40% a mais que as carteiras tradicionais, o projeto da carteira inclusiva tem a durabilidade muito superior, tanto pelo material utilizado quanto na possibilidade de ajustes dos acessórios que podem ser utilizados ou não. A carteira possui regulagens de altura, permitindo a sua utilização em crianças de 6 a 12 anos.




Contato por email: carteiraescolarinclusiva@gmail.com

Nenhum comentário:

Postar um comentário